sábado, 31 de maio de 2014

Aprenda a Amar a Si Mesmo. ("Acreditar e Receber Amor").

 
A vida produz vida, energia cria energia. É somente doando de si que alguém pode tornar-se rico”. (Sarah Bernhardt. Atriz francesa. 1844-1923). [Cf. ‘Anjos: Acreditar e Receber, p. 24. Larousse].
 Happy Birthday

(*) Antes de nascer, você eu já vivemos. E as características do Anjo da Guarda do dia de nosso nascimento físico, pode revelar o que viemos fazer neste "campo quântico de possibilidades": expandir a consciência da "criança divina" -, 'Deus em nós', o Self imortal. Mas esquecemos nossa origem divina ao adentrar a veste física, qual a missão escolhida e as lições a ser apreendidas no embate das "forças dos opostos"... Mas, NOTE BEM: Embora a infância seja pré-determinada, é-nos dado mudar o rumo da vida, na adolescência e vida adulta - para o 'bem' ou o 'mal'; para baixo ou o Alto... "Destino" é fruto de tudo aquilo que, no hoje vivente, você escolhe! (Campos de Raphael).


Música suave atrai a presença dos Anjos... Escolha abaixo àquela que aquiete a mente e fale ao seu coração. Pare e a escute... Reabra o portal e ouça sua música durante a leitura:
‘El Sentido de la Vida’.Music Meditation. (4h:16).

'Anjos de Cura': Multinacionais farmacêuticas escondem há décadas a eficácia da ‘Terapia de Gerson’, que utiliza sucos naturais ricos em desoxidantes; desintoxicam o organismo, cura vários tipos de doenças e até câncer terminal. O cineasta Steve Kroschel, após o documentário ‘O Milagre de Gerson’, viajou aos EUA, México, Holanda e Japão, entrevista várias pessoas e, por fim, o médico japonês que aplicou em si a ‘Terapia de Gerson’ e curou-se de câncer terminal, 50 anos atrás. (Click): 'O Milagre de Gerson'. (2004). Veja tb.:  ‘Morrendo por não saber’. (2006). 
Vitamina D & Sol – A Cura Proibida’.
Dicas de saúde: Dores de coluna, artrite, pedras nos rins, prevenção de câncer?!  V. pode ter alívio e até curar-se em casa! Clic e veja o depoimento deste experiente Clínico:

Aprenda a Amar a Si Mesmo ('Acreditar e Receber Amor').
"A marca de sua ignorância é a profundidade da sua crença na injustiça e na tragédia... O que a lagarta chama de fim do mundo, o mestre chama de borboleta"'. (Richard Bach). ['Ilusões', p. 146. Record. 1977].

“Existe algo dentro de cada um de nós que está continuamente em busca de respostas. Talvez desejemos saber por que estamos aqui, qual o significado da vida ou então o que existe para além deste planeta que chamamos de nosso”...

No entanto, embora muitas das respostas para os mistérios da vida possam nos fugir, somos capazes de compreender muito do sentido deste mundo pura e simplesmente através do amor. O amor é a verdade fundamental absoluta da vida. É tudo o que existe e tudo o que realmente buscamos. Pertence a nós, neste momento, e sempre esteve à nossa disposição, para que o ativemos em nossa vida.

Quando optamos por amar a nós mesmos, estamos reafirmando nossa própria grandeza. Estamos dizendo ao universo: ‘Sou uma pessoa passível de ser amada. Mereço a felicidade. Mereço o sucesso’. Estamos permitindo aos outros e aos trabalhos mágicos do universo que nos retribuam com seu Amor...
Se você quiser trazer mais amor para sua própria vida, pode começar com a simples intenção de amar a si mesmo. Diga a si próprio, neste mesmo instante: ‘Amo a mim mesmo!’

Como é que você se sente ao dizer essas quatro palavras? Talvez, de início, experimente algum desconforto ou constrangimento. Mas guarde essas palavras e repita-as, de novo e de novo. Consegue sentir ligeira mudança de energia que ocorre a cada vez que você diz ou pensa isso?

Ao dizer essas palavras, você se abre à possibilidade de que seja verdade. Então, o impossível torna-se possível, a confusão se desfaz, para ser substituída por uma grande clareza. Repetir essa afirmação simples diariamente ajudará você a libertar-se de qualquer carga emocional e eliminar aquilo que jamais foi seu, para começar. Isso abrirá espaços em seu coração, criando chances para a felicidade e o sucesso.

Por outro lado, caso você hesite em dizer que ama a si mesmo, há a possibilidade de que esteja contemplando um a lista mental de todas as razões pelas quais supostamente não merece o amor...
É surpreendente o número de pessoas que crêem que não merecem ser amadas. Avida deve ter lhes aplicado golpes severos e elas talvez se sintam prostradas no chão, sem chances de se levantar.

Um comentário casual ou mesmo uma piada em um momento inoportuno, pode às vezes agravar as coisas e ganhar proporções desmesuradas em nossa psique, a ponto de levar-nos a acreditar que somos pouco atraentes e, portanto, não merecedores de amor.

Se crescemos num ambiente que não era particularmente estimulante, podemos acreditar que isso ocorreu por culpa nossa e que não nos trataram com amor e afeição pelo fato de não termos merecido.
Aprenda a receber amor em sua vida dando a si próprio, primeiramente, a permissão para amar a si mesmo. Tome uma decisão consciente, agora, de ser o tipo de pessoa que irradia luz, passando pela vida com alegria interna e confiança inabaláveis.

Dito isso, por mais determinado que você esteja, pode haver momentos em que se sinta preso a uma entediante rotina emocional, da qual seja bastante difícil sair. Nessas horas, a questão não verbalizada que se apresenta é: ‘Eu quero continuar infeliz?’ A menos que continuar infeliz sirva para você de alguma maneira, a resposta, é claro: ‘Não’.

O universo nos dará, de bom grado, o apoio para sairmos de qualquer rotina em que estivermos. Se percebermos isso, a pergunta, então se transforma em: ‘Como faço isso?’
E a resposta é simples: ‘Abra a si mesmo para o amor’. É tudo o que tem de ser feito. Quando nos damos a permissão de amar, nos damos a permissão de ser felizes.

Saiba que você é amado incondicionalmente pelos anjos e pelo universo, e que se eles acreditam que você merece ser amado isso é verdade. É simples assim.

Dica especial do anjo: “Agora que sabe que você é o amor, e é amado, saia e espalhe este sentimento”... [Extraído de ‘Anjos: Acreditar e Receber’, p. 129/31. Glennyce S. Eckersley e Gary Quinn. Larousse].
 Clic nos Anjinhos e conheça:
 Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).