sábado, 18 de abril de 2015

AS SETE LIÇÕES ZEN DO BAMBU - Filosofia Zen Japonesa.

Seja Bem-vindo! - Welcome!
 
INTROITO: 'As Sete Lições Zen do Bambu' exemplificam que a sabedoria oriental, tanto chinesa quanto japonesa, nos legou um rico tesouro espiritual ao extrair lições de vida, inspiradas na observação dos elementos da Natureza... Na verdade, desde as grandes galáxias que se manifestam no macrocosmo, assim como nas partículas subatômicas do microuniverso de nosso ser profundo, o 'Self' imortal -, evidenciam a Suprema Inteligência por trás de tudo, permeando e vivificando todas as formas e seres através de uma Consciência Divina, em contínuo processo de expansão e à imagem do Supremo Criador... (Campos de Raphael).

(*) "Decifra-me, ou te devoro", diz a Esfinge mitológica. Defrontamos inúmeros mistérios em nossas vidas, que abrem oportunidades de crescimento se decifrados... Certos eventos significativos quando recém-casados envolvendo a experiência de quase-morte de minha parceira e simultaneamente nossa vivência profunda com o ser interior, levou-nos a optar pelo vegetarismo e iniciar a busca e reencontrar o caminho espiritual. Após inúmeras vivências de primeira mão ao longo de 40 anos, no Brasil e na Europa, começou inesperado contato com meu Anjo da Guarda 'Veuliah', em 17.02.2001, um 'Anjo de Cura', regido pelo Arcanjo Raphael (do hebraico, Rapha, curar; El, Deus), "Deus Cura"... Coincidentemente Raphael é também sobrenome paterno omisso na certidão de meu nascimento. Essa categoria angelical tem como incumbência divina: "Orientar as pessoas a respeito de sua missão e cumprimento do karma" - o trabalho de autoconscientização que e refete nos temas de nossos bloggers. Na verdade, os Anjos cuidam, orientam e protegem todos os reinos abaixo deles, e se tivéssemos alcançado o verdadeiro nível de consciência humano, cuidaríamos da mesma maneira de nossos semelhantes como do reino animal, em vez de explorá-lo desumanamente e ainda alimentar-nos do sofrimento entranhado em sua carne. “Vivei e deixai viver” - diz Wagner no seu 'Parsifal'. E Chefe Seattle: “O homem não teceu a Trama da Vida. Ele é apenas um dos seus fios; o que fizer ao tecido, fará a si mesmo”... Por tudo isso, procuramos partilhar textos diferenciados que possam tocar a reminiscência espiritual do leitor sobre o propósito maior de nossa existência no 'campo quântico das possibilidades'... E as características do Anjo da Guarda de seu aniversário podem revelar aprendizados que, a nível da Alma, cada um escolheu para expandir a consciência da Divindade, "Deus-em-nós"... (Campos de Raphael).


Mensagem do Anjo Ariel à toda a Humanidade! (*)
"A vibração da energia, o poder do Amor, a força do universo que existe neste planeta nunca foram tão grandes, tão imensos, quanto neste momento. Vocês têm testemunhado muitas reações que essa força do Amor tem provocado... Todas essas mudanças são efeitos dessa força poderosa que os faz passar por um processo, impelindo as pessoas que estão abertas a unir-se e desenvolver-se. Unam-se e nutram-se com essa energia, o Amor e a força do coração que estão à sua disposição. Este é o momento de desabrochar, enfrentar o medo, encarar os desafios interiores e de ousar ser aquilo para que vocês foram criados e destinados"... ['Entrevista com um Anjo', p. 294. Pensamento].
(*) "Ariel é um Anjo especial que serve a Deus por meio de ensinamentos e da cura. Sua dádiva é a capacidade de ajudar as pessoas a enxergarem além da visão limitada e autocentrada que têm do mundo, desenvolver um relacionamento pessoal cada vez mais profundo com o divino, e a encontrar o verdadeiro propósito de suas vidas... Embora Ariel tenha prazer em ajudar individualmente, sua missão maior é fazer com que sua verdade alcance todas as pessoas"... (Stevan J. Thayer - Terapeuta Holístico. 'Interview with an Angel. Our World, Our Selves, Our Destiny'. 1997). [Extraído de 'Entrevista com um Anjo', p. 74. Pensamento'. 1999].

Escolha abaixo uma música que aquiete a mente e 'fale' ao seu coração... Minimize, reabra o portal e a ouça durante a leitura:

Dicas de Raphael & 'Anjos de Cura':

'Bicos de papagaio', dores de coluna, articulações, pedras nos rins? Podem provir da carência de magnésio no seu organismo! Conheça o segredo médico revelado pelo experiente Clínico, Dr. Luiz Moura:
1º. O Cloreto de Magnésio. (Dr. Luiz Moura).
Localização de Rio das Ostras/RJ. (Mapas Google).


As Sete Lições do Bambu - (Filosofia Zen Japonesa).

As Lições do bambú

A primeira: Vem o vento, a tempestade, o tufão e o terremoto, não importa. O bambu apenas  se curva momentaneamente e logo retorna à sua posição original, reta e digna. Ao curvarf-se, o bambu não se quebra quando a intempérie o atinge, por não oferecer resistência... Deixe passar as intempéries que aconteçam em sua vida, seja maleável e logo que possível retome sua dignidade.

Segunda: O bambu possui raízes enormes, profundas, tão grandes quanto sua altura. Ao ser plantado, o bambu demora anos construíndo suas raízes para que só depois apareçam o caule, as folhas. A base tem que estar firme e forte antes de ganhar o mundo exteriorOu seja, o crescimento não se dá só em aparência; há uma enorme raíz que sustenta e alimenta a alma do bambu... Aumente você também suas raízes, aprofunde-as. Não viva de modo tão superficial. E tenha paciência para aguardar que suas raízes estejam prontas.

Terceira: Um pé de bambu não cresce sozinho, cresce em conjunto com outros seus iguais. Note que um bambuzal parece formar enorme estrutura única, um entrelaçamento de irmãos-bambu. Por isso é muito difícil arrancar um pé de bambu; as raízes entrelaçadas de vários pés oferecem resistência, as hastes apoio, as folhas de todos protegem o solo de todos... Seja assim também na vida, procure cooperar e cooperadores, a união realmente faz a força e muitas vezes significa sobrevivência...


Quarta: O bambu tem caule lenhificado e longo; não perde energia e tempo na vida criando inúmeros, longos e complicados galhosSua leveza permite o crescimento rápido, para o alto. As folhas excessivas logo se desprendem (caindo) ao solo... Então perca menos tempo e energia com tantas folhas e galhos desnecessários. Possivelmente sua vida está cheia de galhos enormes... e milhares de galhos pequenos e bobos que apenas sobrecarregam o tronco, sua alma.

Quinta: Embora seja oco o bambu, seus nós o tornam mais forte e resistente... Os nós representam nosso fortalecimento na alma, a força que nos leva a aceitar resolver nossos problemas. Apenas a aparência é de fragilidade... É na solução dos problemas que criamos novos nós, que fortalecem ainda mais o espírito. Portanto, nem todo problema na vida é necessariamente algo ruim; pode ser uma chave que nos abre a possibilidade de crescimento interior.

Sexta: A oquidão do bambu, os vazios representam o abandono, o desapego do que nos rouba a paz, o tempo, o amor, a tranqüilidade. No oco há espaço para a alma mais sutil e leve, apenas essência sem peso nem forma, a mais pura forma de evolução interior... A alma pesada é que nos leva ao chão, à depressão, o esgotamento físico e mental...

Sétima: O bambu cresce e mira apenas o Alto, voltado para a Luz... Sejamos assim também na vida. Deixemos embaixo as pedras, a poeira aos nossos pés, mantendo a cabeça longe do nível do chão, do que é baixo, olhando para cima e apenas para lá, em busca do melhor, do céu, do Alto, da Luz...

Click nos Anjinhos, e conheça tb.:
 Click nos Anjinhos & Veja também;
Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).

[Abril, 18. 2015. Rio das Ostras/Rio de Janeiro  ].