sexta-feira, 9 de setembro de 2011

CONSCIÊNCIA & CÉREBRO QUÂNTICO. ('Quem Somos Nós?').


"Assim como é em cima, é embaixo"... O macrocosmo e o microcosmo formam um só Todo: "Somos todos UM!"...
  Seja Bem-vindo! - Welcome! - Bienvenido! tony'sgift

 Click nos Sete Arcanjos e veja o que seu Anjo da Guarda revela!
(*) ACORDE! 'Caminhante das Estrelas': 
"Antes de reencarnar na Terra, você fez um plano do que pretendia alcançar... Fez contratos com todas as pessoas de sua vida: pais, irmãos, irmãs, parentes e amigos. Eles o ajudam a passar por tudo o que planejou realizar nesta vida"... (Dolores Cannon. Hipnoterapeuta).  

Na verdade, antes de nascer cada um de nós escolheu, a nível da Alma, uma via de aprendizado no 'campo quântico das possibilidades', onde poderia desenvolver as potencialidades divinas do ser interior, junto daqueles a que está interligado por afinidade de Alma e/ou 'nós kármicos'. E aqui, é o 'Self' imortal que constela os eventos significativos para o crescimento e expansão da consciência, em consonância com as leis cósmicas... E o Anjo Ariel, diz: "Nossa intenção é deixar que as pessoas sigam seu próprio caminho para encontrar a verdade espiritual eterna, que faça sentido dentro da sua experiência de vida... Gostaríamos que estas palavras chegassem àqueles que estão abertos para essas verdades, que com elas se harmonizem e as usem para fazer brotar em si a ânsia pelo crescimento e o desenvolvimento interior"... [Cf.'Entrevista com um Anjo', p. 97. Pensamento]. (Campos de Raphael). 

Você aniversaria hoje? Click nos Anjinhos!
 Anjos da Guarda: Click e veja o que o seu revela!
'Doze sinais da presença dos Anjos!' 
(Click on the Angel) Doze sinais da presença dos Anjos!
Você precisa de orientação confiável para tomar alguma decisão? 
Experimente, grátis: ‘Oráculo do I Ching’ - (STUM). 


Escolha abaixo uma música que aquiete a mente e 'fale' ao seu coração... E a ouça durante sua leitura:  

 Click-Foto: Coheça as Praias de Rio das Ostras!
 
Consciência & Cérebro Quântico. ('Quem Somos Nós?').
(Campos de Raphael).
O nível fundamental do universo... “É um vasto reservatório de verdade, de valores éticos e estéticos e de precursores da experiência consciente, pronto a influenciar cada uma de nossas percepções e escolhas conscientes. Estamos conectados ao universo e emaranhados com todos os outros indivíduos por meio dessa onipresença onisciente, um mar de subjetividade. Se formos cuidadosos e não agirmos por reflexo, nossas escolhas poderão ser divinamente guiadas... As computações quânticas em nossos cérebros conectam nossa consciência ao universo fundamental”. (Stuart Hameroff). [‘Quem Somos Nós?’, p. 138. Prestígio Editorial]

“O que sabemos que não sabemos. E o que não sabemos que não sabemos”.
- "Como a matéria viva produz pensamentos e emoções subjetivos? – Como o cérebro responde à “experiência” fenomenológica - ao cheiro do jasmim, ao vermelho da rosa ou à alegria do amor? Como a matéria viva produz pensamentos e emoções subjetivos?" – pergunta Stuart Hameroff, professor emérito de anestesiologia e psicologia e diretor do Centro de Estudos da Consciência da Universidade do Arizona.

Apesar de questões como essas terem ocupado os filósofos e pensadores durantes séculos, Hameroff indica que “o estudo da consciência passou por maus momentos durante a maior parte do século, enquanto os comportamentalistas dominaram a psicologia.

Por que estudar o que não pode ser medido? A consciência se tornou um palavrão nos meios científicos, encoberta por paradigmas de condicionamento operante, reflexos pavlovianos e outros parâmetros quantificáveis?
"Nos anos 1970, ressurgiu o interesse pela consciência. Um grande número de pessoas, especialmente a geração dos anos 1960, experimentou ativamente a transformação da consciência por meio da meditação, de terapias e de compostos químicos alucinógenos. Além disso, os computadores permitiram trabalhar intensivamente com a inteligência artificial (IA) e analisar rapidamente os dados obtidos por meio de leituras elétricas do cérebro (eletroencefalogramas e outras medições)".

E nos anos 1980 e 1990, cientistas proeminentes entraram nessa caravana e produziram livros e teorias defendendo a ideia do cérebro como um computador magnífico e a visão de que, como diz Hameroff: “a consciência tinha alguma coisa a ver com os mistérios da mecânica quântica”.

Então, Hameroff tomou conhecimento do trabalho de sir Roger Penrose, renomado matemático e físico inglês...

A Teoria da Consciência - Penrose-Hameroff
“O cérebro é quântico? Não faço idéia. Mas não consigo encontrar outra maneira de explicar como sei que alguma coisa está para acontecer ou que alguém está pensando em mim, ou que essa pessoa tem consciência de que estou fazendo o mesmo. Isso teria de significar que alguma coisa dentro de minha cabeça está conectada a uma super auto-estrada de informações independente do tempo e do espaço”. (Mark). [‘Quem Somos Nós?’, p.137].

“Atualmente há cientistas analisando a proposição de que as lembranças não estão realmente armazenadas no cérebro. Descobriu-se que se for removida parte do cérebro onde parecia estar localizada uma lembrança, ela ainda pode persistir! Onde ela está armazenada? Talvez em algum lugar na escala de Planck, ou no que algumas pessoas chamariam de “registros akáshicos”.

"O cérebro pode ser apenas um instrumento para buscar essas lembranças dentro do universo. Ele pode ser o armazenamento local, o disco local em relação ao disco rígido cósmico onde todas as lembranças estão armazenadas”. (‘Quem Somos Nós’, p. 135. Prestígio Editorial).

Penrose propôs que a percepção consciente acontece quando superposições de neurônios alcançam um certo limiar e, então,espontaneamente colapsam. (De forma similar ao colapso da função de onda causado pela observação, reduzindo o vasto conjunto de possibilidades a um valor pontual localizado. A diferença é que, na consciência, a superposição colapsa por si mesma, como conseqüência da gravidade quântica).

De acordo com Penrose, as “reduções objetivas” (RO), como chamava, eram intrínsecas à forma como a consciência opera. Essas “ROs” convertem múltiplas possibilidades no nível pré-consciente, inconsciente ou subconsciente em percepções e escolhas definidas conscientes. É como avaliar pizza, sushi e comida tailandesa (em superposição), e, então, selecionar uma opção (colapso ou redução). Hameroff sugeriu o mecanismo em que isso poderia acontecer, e ele e Penrose formularam uma teoria...
"No centro da forma como esse colapso ou RO acontece, estão os minúsculos microtúbulos, estruturas ocas, cilíndricas, que existem dentro das células, incluindo os neurônios. Os microtúbulos já foram considerados mero citoesqueleto, ou andaime de sustentação da célula, mas verificou-se que eles mostram inteligência e capacidade de auto-organização extraordinárias".

Atuam como sistema nervoso e circulatório da célula, transportando materiais e organizando a forma e o movimento. Interagem com as células vizinhas para processar e repassar informações, organizando-as num todo unificado e coerente. Nos neurônios, os microtúbulos estabelecem e regulam as conexões sinápticas e estão envolvidos na liberação de neurotransmissores. Como diz o doutor Hameroff: “Eles estão em toda parte e parecem organizar quase tudo”.

As mudanças estruturais, o processamento de informação e a comunicação entre os microtúbulos nos neurônios cerebrais exercem influência direta sobre a organização dos neurônios nas “redes neurais”. Entretanto, os próprios microtúbulos, dentro de sua estrutura, são afetados por um fenômeno quântico: as proteínas de que são feitos respondem aos sinais de um computador quântico interno composto de elétrons isolados.

O doutor Hameroff explica: “Essas forças quânticas dentro das proteínas controlam a forma da proteína, e essa forma, por sua vez, controla as ações dos neurônios e dos músculos e nosso comportamento. A mudança de forma das proteínas é o ponto de amplificação entre o mundo quântico e nossa interferência no mundo clássico, em tudo o que a humanidade faz, de bom e de mau”.

Hameroff prossegue informando que é o colapso espontâneo (RO) desses microtúbulos, que acontece mais ou menos quarenta vezes por segundo, o que provoca um “momento de consciência”. Nossa consciência não é contínua, mas uma seqüência de momentos de “ah-ah”. Ele diz: “A consciência é como uma engrenagem no espaço-tempo, e é uma seqüência de momentos decisivos: agora, agora, agora (...)”.

Onde acontece a consciência?

"Onde cruzam o reino intangível do pensamento e da percepção, nossa experiência subjetiva interna, e a sopa bioquímica eletricamente carregada do cérebro?"

Não sou idealista, como Bishop Berkeley ou as abordagens indianas, declara o doutor Hameroff, “nas quais a consciência é tudo. Também não sou um “copenhaguista”, achando que a consciência causa o colapso e escolhe a realidade entre múltiplas possibilidades. Estou em algum ponto entre as duas abordagens.

"A consciência existe no fulcro entre os mundos quântico e clássico. Penso mais como um budista quântico; acredito que existe uma mente universal protoconsciente à qual temos acesso e que pode nos influenciar, existente no nível fundamental do universo, no nível da escala de Planck”... (Dr. Stuart Hameroff)...

O que nos dá a única possibilidade de livre-arbítrio é o não determinismo do nível quântico da existência, o fato de a realidade quântica ser governada pela probabilidade e não pela certeza”. (Dr. Jeffrey Satinover. “O Cérebro Quântico”). [Cf. ‘Quem Somos Nós?’, p. 134/138. Prestígio Editorial].
[Postado há  por  - Revisto e reeditado em 15.07.2016]

'O CHAMADO' - (Parte I)

'O Chamado' - Parte II

"Nesta imensidão do Universo, olhe para as Estrelas"...
 photo MUITO ALEacuteM.gif
"O tranquilo silêncio e a noite servem para realçar uma harmonia amena. Senta-te aqui, Jéssica, e observa como se acha o soalho do céu todo incrustado de pedacinhos de ouro cintilante. Não há estrela, por menor que seja, de quantas aí contemplas, que em seu curso não cante como um anjo, em consonância com os querubins dotados de olhos moços. Na alma imortal essa harmonia existe. Mas enquanto esta veste de argila a envolvem muito intimamente, não podemos ouvi-la".(Shakespeare - 'O Mercador de Veneza', Ato V).

 Vida é uma Dança: Dance com a Vida! 

Estar vivo é uma oportunidade gloriosa! Então...
 VÍDEOS EM DESTAQUE:
V. sabia: O tempo de cada dia afeta nosso humor, e a lua à natureza e todos os seres vivos?! Meteorologia e as Fases da Lua.

Anjo Guardião: V. ainda não conhece o seu?!

"No la publiques hasta que la humanidad esté preparada". (Einstein). 

   "A Divindade em mim, saúda a Divindade em você!"
Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).
[Revisto e reeditado em 15 de Julho de 2016 - Rio das Ostras/Rio de Janeiro - ].

[REVISTO em 15.07.2016. Rio das Ostras/ Rio de Janeiro.].